domingo, 12 de maio de 2013

O assunto é. . . superproteção!


Qual mãe ou pai em seu íntimo, em algum momento, já não disse: mexeu com meu filho, mexeu comigo. Ok, tudo bem. Pais que se prezam protegem a sua cria. Seria inadmissível pensar o contrário. Mas o que queremos abordar aqui é algo de maior proporção, é o desequilíbrio. O que vai além da conta: a superproteção. Porque criança superprotegida é insegura, frágil e muito, muito infeliz! Então, este assunto merece sim ser pensado, refletido, discutido.

Leia mais:http://www.psicosol.com/o-assunto-e-superprotecao/