terça-feira, 11 de novembro de 2014

Especial dia do psicopedagogo: Dúvidas mais comuns 2.

Quanto o psicopedagogo clínico cobra em um atendimento?

Essa dúvida é a mais comum entre os profissionais que estão iniciando na área! Costumo dizer que o preço varia de acordo com a região do Brasil e o bairro também influenciará. Se você vai atender em lugar onde poder aquisitivo é melhor, poderá pedir um valor compatível, mas se você vai atender em local mais carente, preços populares será o mais recomendável. Na minha região o preço em média varia de R$50,00 a R$90,00. Lembrando que em nossa profissão são necessários vários atendimentos, então uma dose de bom senso é fundamental. Sem contar que se você é iniciante, precisa fazer seu nome e ser reconhecido na sua região, então um preço popular é o mais indicado.

Quanto tempo dura um atendimento?

Um atendimento dura em média 50 min., mas existe alguns momentos que precisamos exceder alguns minutos, chegando a 60 min.

Qual o público que o psicopedagogo pode atender, existe alguma idade específica?

Não existe idade específica, pessoas com dificuldades na aprendizagem podem procurar um psicopedagogo a qualquer momento. Mas normalmente a idade que os pais procuram pelo profissional é a partir da classe de alfabetização, pois é quando percebe-se que existe uma dificuldade no processo da leitura e/ou escrita.

Existe algum órgão que representa a psicopedagogia?

No momento contamos com uma associação, chamada ABPp - Associação Brasileira de Psicopedagogia, que luta em prol da regulamentação da profissão.


Qual o local mais indicado para o psicopedagogo clínico atuar?

Em clínicas onde exista profissionais como fonoaudiólogos e/ou psicólogos.

A supervisão faz-se realmente necessária ao psicopedagogo iniciante?

Sim, todo psicopedagogo iniciante precisa contar com a ajuda da supervisão de um profissional experiente, ou seja, que tenha mais de 5 anos de formado.

Tenho desejo de abrir um espaço e atuar como psicopedagogo clínico, eu posso?

Esta informação é muito importante e gera ainda muitas dúvidas, logo que me formei e decidi abrir o meu espaço, procurei supervisão com uma profissional experiente e qualificada, onde recebi a informação seguinte: Sim, desde que você tenha um espaço físico adequado com materiais necessários para atender o aprendente, e procure a prefeitura da sua cidade para solicitar o alvará. Não esquecendo de denominar o nome como ESPAÇO e não CLÍNICA. Isto até a profissão enfim ser regulamentada, aí teremos outras regras para cumprir.

Qual a chave básica para que o psicopedagogo desenvolva um bom trabalho?

Ética, comprometimento, dedicação, amor (pelo o que faz) e respeito!

Como faço para me associar a ABPp? 

Cada estado é representado por uma, mas para buscar qualquer informação a respeito Clique aqui.

Como faço para obter o título de psicopedagogo?

Através do curso de pós graduação (especialização), existe alguns estados que já estão oferecendo a nível de graduação. 


Por Karla Carvalho