É ela: a sensibilidade!



Certamente, muitos dos profissionais que trabalham na área da educação dedicam – ou pelo menos deveriam – um tempo no planejamento das atividades que irão realizar com seus aprendentes. Esse planejamento inclui pensar, por exemplo, naquela criança que não está evoluindo como deveria. Por vezes, podem lembrar de uma atividade que já utilizaram com outra criança que tinha a mesma idade, estava apresentado as mesmas dificuldades, e, inclusive, tinha até o mesmo diagnóstico médico.

A questão é: podemos elaborar uma atividade observando apenas os itens citados?

Leia mais...http://www.psicosol.com/e-ela-a-sensibilidade/



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ETAPAS EVOLUTIVAS DO DESENHO INFANTIL SEGUNDO PIAGET

O que é Autismo?

Como ajudar meu filho a estudar?